PUBLICIDADE



PLANTãO REGIONAL

SETE LAGOAS

09, Setembro de 2020

Sete Lagoas realiza em média 150 testes por dia de Covid-19: cidade chega a 2.035 casos confirmados

Os casos suspeitos de síndrome gripal inespecífica tiveram alta de 1,34% nas últimas 24 horas, segundo o Boletim Epidemiológico de Sete Lagoas, com 1.287 pessoas sendo monitoradas pela Secretaria Municipal de Saúde e 6.721 exames negativos para Covid desde o início da pandemia. O número de casos positivos agora é de 2.035, com a confirmação de mais 47 contaminações: 29 mulheres e 18 homens. Entre os contaminados, 26 se encontram internados, 89 se recuperam em isolamento domiciliar e 1.883, ou seja, 92,5%, já curados. A cidade segue com 37 óbitos desde o início da pandemia. 

A taxa de letalidade da Covid em Sete Lagoas se mantém em 1,8%. No estado de Minas Gerais, essa taxa é de 2,48%. Já no Brasil, o índice hoje é de 3,06%. Comparando Sete Lagoas com outras cidades mineiras com população semelhante, entre 220 mil e 280 mil habitantes, o índice de mortes por contaminados em Divinópolis é de 3,88% (1.132 contaminados e 44 óbitos); em Governador Valadares é de 3,34% (6.538 contaminados e 219 óbitos); em Ipatinga é de 2,09% (7.844 contaminados e 164 óbitos); e em Santa Luzia é de 4,52% (1.681 contaminados e 76 óbitos). As informações foram colhidas dos boletins epidemiológicos de cada município.

Hospitalizados
Os hospitais de Sete Lagoas têm hoje 43 pacientes internados com Síndrome Respiratória Aguda Grave, 29 deles em enfermaria e 14 em UTI. A taxa de ocupação de leitos de UTI Covid na cidade, somando-se os do SUS e os da saúde suplementar, está hoje em 22,9%. Entre os 14 pacientes internados em UTI, 11 são de Sete Lagoas. Os demais, de Paraopeba, Jequitibá e Inhaúma.

No Hospital Municipal são seis pacientes internados na Ala Covid (dois deles em UTI), no Hospital Nossa Senhora das Graças são 25 internados (nos leitos do SUS são 14 em enfermaria e nove em UTI), no Hospital da Unimed há nove pacientes na ala Covid (dois em UTI) e na UPA são três internações em enfermaria. A taxa de ocupação de leitos Covid do SUS na cidade está hoje em 23,9%. Entre os 43 pacientes internados, 32 já testaram positivo para Covid, sete tiveram resultado negativo e quatro aguardam resultados de exames.

Laboratório Municipal
Desde o dia 17 de agosto o laboratório municipal de Sete Lagoas, que realiza testes de Covid para 25 municípios da região, está com novas instalações. Depois de ter funcionado por mais de quatro meses em um espaço cedido pelo Unifemm, em parceria com o Avante Social, agora a unidade está na Escola Técnica Municipal. 

Para o cidadão, nada muda, uma vez que os testes são colhidos nas unidades de saúde. A capacidade diária de testes e o prazo para os resultados, de no máximo 48 horas, também não mudaram. Inclusive, nesta nova estrutura, os procedimentos ocorrem com maior rapidez, garantindo segurança em decisões de combate à pandemia. 

Um exemplo disso é que, entre os dias 1º e 9 de setembro, em seis dias úteis, foram 890 resultados divulgados, entre positivos e negativos, realizados tanto no laboratório municipal quanto na rede particular, uma média de 150 testes por dia. Isso apenas de moradores de Sete Lagoas, sem contar das demais cidades da região que também testam no laboratório do município.

Combater o coronavírus é dever de todos: ao sair de casa, use máscara. Higienize frequentemente as mãos e mantenha o distanciamento social. Dúvidas: 3773-2576 | Denúncias: 153 | Informações: www.setelagoas.mg.gov.br/coronavirus