PUBLICIDADE



PLANTãO REGIONAL

SETE LAGOAS

20, Novembro de 2020

Homem é condenado a 40 anos de prisão por matar ‘Márcia Cafetina’ e amigo da vítima

Um homem acusado de matar a agenciadora de programas sexuais Márcia Tavares Abreu, 56 anos, e o amigo da vítima Max Gomes de Almeida, 32 anos, em uma residência na Rua Baependi, bairro Interlagos, no dia 2 de setembro de 2017, foi condenado a 40 anos de prisão. Trata-se de autor Felipe Franco de Souza, que foi julgado e condenado na última quinta-feira (19).

Na ocasião do crime, os corpos foram encontrados no dia 5, após um vizinho subir no muro e avistar o corpo da mulher. Em seguida a Polícia Militar foi acionada juntamente com a Civil. A perícia constatou um corte profundo no pescoço de Márcia, e três lesões perfurantes no pescoço e no crânio de Max Gomes.

No dia do assassinato, bens materiais da Márcia haviam desaparecido como jóias, televisão e um automóvel modelo Chevrolet/Corsa que logo foi encontrado carbonizado. Os assassinatos ocorreram após Felipe surpreender os dois juntos, o que provocou a ira do suspeito.









Contato

plantaoregional@gmail.com

(31)99986-1038


© 2020 Plantão Regional 24 Horas: Seu portal de notícias 24 Horas